Destinção

.

.



Distinção atribuída ao CENSURADA, pela Su do blog "... XANAX..." a quem agradeço este requintado selo.
A mensagem deste "selo":A cor azul representa paz, profundidade e imensidão.
A cor dourada a sabedoria, riqueza e clareza de ideias. O prémio em si representa a união entre os “ bloguistas “.

E como não podia deixar de ser tem as suas regras:

Colocar o prémio em situação visível ou linká-lo.

Anunciar através de um link o blog que o premiou e premiar até outros 15 blogs.

Avisar os premiados.

Pelo trabalho desenvolvido e partilhado nos seus "cantinhos", os nomeados são:

.

Xanax



Secreta





Gritos


.
.
.
.

9 comentários:

Su disse...

merci.
mas sou eu que adoro teu blog:)

jocas maradas...............sempre

ana camões disse...

obrigada :)

Marinho disse...

Quanta honra, surpresa e imerecimento. Coração cheio o teu, hem? Mille grazie. Vou criar um selo e atribuí-lo apenas ao blogue que melhor me deixa perder o olhar e o pensamento no horizonte que me oferece: este!

Secreta disse...

Parabéns ...
E obrigada :)
Beijito.

Censurada disse...

Mereces pois Su, esta é só uma das muitas distinções que te podem atribuir.

Nada que agradecer Ana, gosto de gostar e ainda mais de o revelar.

Raramente me faltam palavras na hora de responder mas excessos como os que me diriges fazem-me não saber o que dizer. Obrigada Marinho

Obrigada Secreta... Parabéns por nos brindares com tanta beleza e sensibilidade... Continua.


Bjocas a todos

Som do Silêncio disse...

Bom dia Censurada :)

Muito obrigada pelo teu prémio. Quero dizer-te que o teu blog já faz algum tempo que é uma visita obrigatória :)

Beijo meu
Som

soggyscheme disse...

muito obrigado pela distinção que me fizeste no teu blogue, o apoio e um agradecimento especial por me visualizares e gostares do meu trabalho que com todo o prazer partilho a todos os que me lêem.

espero no futuro, continuar a retribuir e mostrar que mereço este selo.

Mustafa Şenalp disse...

Çok güzel site. :)

e-ko disse...

muito obrigada.

os meus blogs estão adormecidos como a bela... talvez à espera de príncipes, quem sabe... mas há tão poucos... este prémio foi já como um beijo!